Como conseguir a primeira consultoria?

05/04/2016
Por: Juliana Menegazzi

É muito importante lembrar que ao se tornar um consultor, você também se transformou em vendedor! Mesmo não gostando da ideia de realizar vendas ou achando que não tem habilidade para isso, teremos que saber "vender nosso peixe". Se é uma habilidade que você realmente não domina, terá que desenvolver para conquistar a primeira consultoria.

No início é mais difícil mesmo, pois a grande maioria dos consultores não tem vivência com essa questão de abordar e convencer alguém a comprar alguma coisa, ainda mais um serviço, que costumo dizer que é a venda de algo "invisível".

Uma grande dica é escutar e entender bem o que o cliente está em busca e, dessa forma, adequar seus argumentos de venda de acordo com a necessidade que ele te passou. Nem sempre o que o cliente enxerga como prioridade é o que nós, consultores, encaramos como prioridade, porém, lembre-se que você presta um serviço e tem que ser aquilo que ele está interessado. Como profissionais de alimentos, deveremos zelar pelas boas práticas e a garantia do alimento seguro, porém, não é sempre que você vai utilizar esse tipo de argumento para conquistar de cara o cliente.

A nossa porta de entrada no estabelecimento, ou seja, o sucesso dessa venda, tem que ser feita totalmente pelo interesse do proprietário e não pelo nosso. As chances de conseguir a primeira consultoria vão reduzir muito se você ficar dizendo que ele tem que te contratar porque você faz Manual de Boas Práticas e POP's e é obrigatório que ele tenha, se não for isso que ele estiver em busca. Não vamos omitir sobre as exigências da vigilância, pois também ajuda muito na venda dos nossos serviços, mas tem que utilizar isso como complemento em muitas situações e não como o foco principal.