O que é um Checklist e para que serve?

04/09/2019
Por: Juliana Menegazzi

Uma Lista de Verificação ou Checklist (em inglês) é uma lista de itens que você precisa checar ou inspecionar, itens que foram previamente estabelecidos para certificar as condições de um serviço, produto, processo ou qualquer outra tarefa. As listas de verificação são usadas em todos os campos imagináveis e permite garantir que você não esqueça nenhuma etapa importante.

Já conhece o Food Checker? É um software feito para consultores de alimentos, que lançamos recentemente. Uma das funções mais práticas do Food Checker, o software dos consultores de alimentos, é a dos Checklists. Lá já estão cadastrados os principais sobre legislações de boas práticas, prontinho para serem utilizados.

Além de usar aqueles ja cadastrados, você pode criar seus próprios checklists personalizados, sobre qualquer tema, do tamanho que você acredita ser ideal e suficiente. Em alguns minutos você consegue criar e/ou aplicar checklist em qualquer cliente.

Dentro do Food Checker, você pode aplicar o checklist durante suas visitas e ao passo que responde, consegue inserir fotos para ilustrar cada questão e também já pode criar um plano de ação para solucionar ou planejar as melhorias.

Para você criar um bom Checklist, você deve verificar se está atendendo à intenção de cada item da sua lista de verificação e, possivelmente, fazer anotações, fotos, vídeo ou gravações de áudio relacionadas a esse item.

Caso você vá criar um checklist personalizado, atente-se à maneira que está formatando as perguntas ou itens, de modo que todo o checklist siga o mesmo raciocínio. Não existe uma lista de verificação perfeita, mas se você seguir estas etapas simples, deverá seguir uma lista de verificação rigorosa e confiável.

1. Deixe cada item claro e preciso. 
É importante que cada item do seu checklist seja facilmente compreendido pela pessoa que a utiliza. O que é um checklist se ninguém pode entendê-la? Cada item também deve ser conciso para garantir que seja o mais fácil de usar possível. 

2. Agrupe seus itens por categoria. 
Checklists curtos não precisam de categorias, mas as mais longas podem sair rapidamente do controle. Ao organizar seus itens em categorias, você pode navegar rapidamente para a parte do checklist em que está trabalhando. 

3. Torne cada item acionável. 
Isto é muito importante. O poder de um checklist é que você pode executar uma ação em cada item e garantir que está cumprindo a intenção desse item. Se os itens da sua lista de verificação forem muito ambíguos ou vagos, você marcará a caixa, mas será realmente concluída? Dizer coisas como "Verificar as geladeiras” é muito vago; tente dividi-las em itens menores, como "Verifique se as geladeiras estão limpas por dentro e por fora”, “Verifique se a manutenção das geladeiras está atualizada”, ao dividir os itens em ação, você torna sua lista de verificação muito mais poderosa. 

4. Não pule nada da lista. 
Qual é o objetivo de um checklist se você pular perguntas ou categorias? É importante que sua lista de verificação seja usada totalmente a cada vez; se você estiver pulando perguntas, pergunte se a lista de verificação está formatada corretamente para seus propósitos. 

5. Verifique se suas anotações, evidências ou outros resultados são usados para melhorar o desempenho. 
Alguns checklists são apenas caixas de seleção para serem concluídas, mas você certamente pode ter listas de verificação mais avançadas que permitem identificar itens que precisam de acompanhamento. Para cada item, você pode responder afirmativamente (sim), negativo (não) ou não aplicável (n/a). Você também deve tomar notas que indicam o que poderia ser melhorado. Se aplicável, fotos, vídeos ou evidências de áudio devem aumentar as descobertas da sua lista de verificação. Por fim, você sempre pode criar um Plano de Ação para corrigir quaisquer itens com problemas. E lembre-se, uma lista de verificação deve ser constantemente aprimorada à medida que você a usa. 

O Food Checker é um software que vai te ajudar e economizar muito tempo. Depois de aplicado, você poderá encaminhá-lo direto para o responsável do cliente ou imprimir.

Cadastre-se em www.foodchecker.com.br para conhecer o sistema que foi feito de consultora de alimentos para consultores de alimentos.